Loading...

Quanto cobrar pelo serviço de design ou ilustração? Para iniciantes na área.

Quanto cobrar pelo design? Como calcular o valor do meu trabalho?


Uma dúvida que eu, você e todo profissional liberal tem (independente da área) e que não se aprende em escolas e faculdades (infelizmente), é quanto cobrar por seu serviço. Quanto vale seu trabalho? Como não passar para o cliente um orçamento com valor nem aquém e nem além do que seu material realmente merece? Nesse post-apelo (recebi vários pedidos, mande sua sugestão de post meu email clicando aqui ) eu vou dar algumas dicas de quanto cobrar pelo seu lindo e maravilhoso trabalho de design e ilustração.


Conheço profissionais de diversas áreas que tem essa dificuldade. Algumas profissões já tem um preço comum praticado pela maioria do mercado, o que fica mais fácil tabelar os seus. Não é o caso dos designers e ilustradores. Esse post será o inicio de uma série de posts que vamos debater sobre o mercado de design e ilustração.

Tabela de preço para designers e ilustradores


Quem conhece a Tabela Adegraf (veja aqui a versão 2016 - 2018), sabe que é difícil acertar com seus clientes o preço cheio que esta tabela sugere (1 sonho) principalmente para quem é iniciante e que está na luta para entrar no mercado. Então, segue aqui algumas regras que faço antes de cobrar por algum serviço de ilustração, sem ser injusto, para mim e nem para meus clientes.

Estou prospectando meus primeiros clientes de design, quanto devo cobrar? 


Claro que, quando eu era iniciante, não podia cobrar o preço de profissionais e estúdios experientes. Os clientes sempre vinham com a desculpa que "esse projeto é a chance para alavancar a sua carreira, será ótimo para seu portfólio, e etc etc" tudo isso para cortar pela metade o que foi pedido. Mas a sensação de ser usado e de prejuízo não sai de nossas cabeças.

"Mas Carlos, sou iniciante e quero ganhar meu dinheiro com dignidade. O que fazer"? 


Antes de tudo, estude o cliente. Qual o real motivo que fez ele entrar em contato com você? Vale a pena pegar esse serviço? Todos sabemos que, as vezes, é muita melhor perder certos clientes.

Se você aceitou o desafio e quer conquistar o cliente com um orçamento justo, veja a real complexidade do serviço. Muitas vezes, chegamos ao nível máximo de perfeccionismo e, muitas vezes, não é nada daquilo que o cliente queria. Ele desejaria e aprovaria na primeira vez, aquele projeto que você realizaria na metade do tempo. Estude o mercado do seu cliente, a complexidade e a cultura da empresa, antes de inciar um projeto. Assim você reduz o risco de retrabalho Menos tempo para realizar, e tempo é dinheiro.

Afinal, quanto cobrar pelo serviço de design ou ilustração? 


A primeira coisa a botar no papel, é definir sua despesa fixa mensal. Se você é um jovem iniciante, provavelmente realiza o seu trabalho no conforto do seu quarto, sem despesas com funcionários, aluguel, etc. Isso pode ser levado em consideração para a redução do orçamento, já que não dá pra comparar seus custos fixos com de um grande escritório de design e ilustração.

A segunda coisa é o seu tempo para realizar um projeto. Você se conhece, sabe quanto tempo demora para realizar certos materiais. Na hora de fechar um orçamento, o seu tempo tem que ser levado em consideração.

Faça um contrato e adicione o número máximo de possíveis retrabalhos. Se ultrapassar, o orçamento poderá ser alterado. se você não deixar claro esse item, correrá o perigo de fazer retrabalhos quase infinitos. Quem nunca passou por um cliente que não sabia o que queria e, por isso mesmo, nunca se decidia?

Analise também se o que você vai fazer ficará por um bom tempo na empresa (logo, fardamento, identidade visual) ou se será rápido, para uma campanha, Landing Page para concurso cultural, etc. Projetos onde seu trabalho ficará a longo prazo, são mais caros.

Mas como eu estipulo meu preço por hora???



Exemplo prático:

Você tem R$1.500,00 em despesas fixas por mês (aluguel, conta de luz, água e alimentação). Divida esse valor pelo número de horas que você escolheu para trabalhar (digamos que você vai trabalhar cinco dias por semana, 8 horas por dia, que dá 160 horas por mês). O total será 9,374. esse é o valor da sua hora para pagar apenas as despesas fixas. Some esse valor com o seu lucro por diferencia, que deve levar em consideração, claro, os seus diferenciais que você usará em seu favor na hora justificar o seu valor para o cliente. quais são? O seu talento? Velocidade de realizar? Criatividade? Ganhou prêmios renomados?

Digamos que o seu lucro por diferencial será R$15,00 partindo do raciocínio que você é inciante. Resultado: a sua hora custa R$ 24,374

Agora, analise o projeto do seu cliente, estipule quantas horas você vai gastar para realizar e multiplique pelo valor de sua hora.

Se você conseguiu um projeto de identidade visual de uma marca e o tempo de duração será 5 dias de trabalho (contado os retrabalhos), você pode cobrar algo em torno de R$ 1.000,00

Para diminuir o risco de erro e retrabalho, é importantíssimo a elaboração de um briefing bem feito, que é assunto para um próximo post.

Alguma dúvida? Sugestão? Deixa aqui nos comentários.
Espero que vocês tenham curtido :)

_


mercado criativo 1018918306055981561
Página inicial item

Instagram

Facebook

Twitter

receba nossa newsletter

Destaque

Quanto cobrar pelo serviço de design ou ilustração? Para iniciantes na área.

Quanto cobrar pelo design? Como calcular o valor do meu trabalho? Uma dúvida que eu, você e todo profissional liberal tem (independente...